terça-feira, 24 de maio de 2016

DIA NACIONAL DE COMBATE AO ABUSO E EXPLORAÇÃO SEXUAL DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES É LEMBRADO NESTA QUARTA-FEIRA

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Assistência Social, Trabalho e Habitação (SST), orienta os municípios nos serviços de enfrentamento a violência, exploração e abuso sexual de crianças e adolescentes. Nesta quarta-feira, 18, é lembrado o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração sexual de crianças e adolescentes. Para apoiar as famílias que tiveram seus direitos violados há os Centros de Referência Especializados de Assistência Social (Creas). É o caso de crianças e adolescentes vítimas de violência física, sexual, psicológica ou negligência e adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas. Santa Catarina tem 88 Creas em 83 municípios e 360 Centros de Referência de Assistência Social (Cras) em 284 municípios. Os Cras são a porta de entrada para a as famílias para a inclusão social, integram o sistema de atenção básica e tratam da prevenção. “O Creas é uma estrutura que complementa o trabalho Centro de Referência de Assistência Social (Cras), Conselho Tutelar e poder Judiciário no atendimento aos que vivem em situação de vulnerabilidade social e são vítimas de violência física, psicológica, abuso sexual, entre outros”, lembra a diretora de Assistência Social da SST, Camila Magalhães Nelsis. A coordenadora do Sistema de Informação para Infância e Adolescência (Sipia) em Santa Catarina, Lúcia Grisel, lembra a importância dos municípios atualizarem os dados sobre violação de direitos de crianças e adolescentes no sistema por meio do Conselho Tutelar. “Precisamos integrar os vários atores do sistema de garantia de direitos de crianças e adolescentes, fortalecer os conselhos tutelares e integrá-los na rede que atende crianças e adolescentes para que o trabalho seja aprimorado”. De acordo com dados do Sipia, nos últimos 12 meses foram registrados em Santa Catarina 692 casos de violência e abuso infantojuvenil. Destes, 65 foram estupros, 49 casos de assédio sexual e 21 de exploração sexual. Os dados são de 83 municípios que inseriram informações no Sipia. Além dos Cras e Creas existe uma rede de serviços e órgãos de proteção aos direitos de crianças e adolescentes. Um dos mais conhecidos é o Disque 100, que funciona diariamente das 8h às 22h, inclusive aos fins de semana e feriados e recebe denúncias anônimas com garantia de sigilo. Existem ainda os Conselhos Tutelares, Delegacias Especializadas, Ministério Público, Defensoria Pública e a Justiça da Infância e da Juventude, que tratam de casos relacionados com a violação dos direitos de crianças e adolescentes. Segundo dados da Secretaria de Direitos Humanos, o Disque 100 registrou de janeiro a junho de 2015 em Santa Catarina 2.947 casos de violação contra crianças e adolescentes. Destes, 441 são de violência sexual; 585 de violência física e 725 de violência psicológica. "Essa data é extremamente importante para mobilizarmos a sociedade e incentivar as denúncias dos casos de violência contra crianças e adolescentes. O abuso e a exploração sexual ainda são temas muito camuflados. O número de casos é muito maior do que realmente aparece nas denúncias", afirma a conselheira do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (Cedca), Lizandra Vaz Salvadori. A Lei Federal 9.970/2000 instituiu o 18 de maio como Dia Nacional de combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolescentes para mobilizar, sensibilizar e informar sobre o assunto. O dia 18 de maio foi escolhido como o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes porque nesse dia, em 1973, uma menina de oito anos de idade foi sequestrada, espancada, estuprada e assassinada na cidade de Vitória (ES). –Secom

tvgazetalife@hotmail.com
                                                         
JORNAL GAZETA LIFE               
“A notícia levada a sério”          
(34) 3427-1384                               
(34) 9929-5718 - VIVO
(34) 8424-0417 – CLARO
(34) 9177-6477 – TIM         

(34) 9971-4879 - CTBC

CCAS PARTICIPA DE SEMINÁRIO SOBRE GOIABA

José Otavio Menten ministrará palestra sobre defesa vegetal. O Conselho Científico para Agricultura Sustentável (CCAS) participa nessa semana, dia 19 de maio, do Seminário Pesquisa e Mercado de Goiaba de Mesa. O evento será realizado no Salão Paroquial da Igreja Matriz de Carlópolis, no Paraná. Uma série de palestras sobre produtividade, melhoramento genético, resistência as pragas, registro de defensivos agrícolas, exportação e certificação estão entre os temas debatidos. O Diretor Financeiro do CCAS, José Otavio Menten, ministrará uma palestra sobre “Situação atual e perspectivas do registo de defensivos para goiaba no Brasil”. O palestrante também é Vice-Presidente da Associação Brasileira de Educação Agrícola Superior (ABEAS), Eng. Agrônomo, Mestre e Doutor em Agronomia, Pós-Doutorados em Manejo de Pragas e Biotecnologia, Professor Associado da ESALQ/USP. Mais informações sobre o seminário podem ser obtidas diretamente com a Associação de Produtores Rurais de Carlópolis (APC), pelo telefone: (43) 3566-1090. Sobre o CCAS - O Conselho Científico para Agricultura Sustentável (CCAS) é uma organização da Sociedade Civil, criada em 15 de abril de 2011, com domicilio, sede e foro no município de São Paulo-SP, com o objetivo precípuo de discutir temas relacionados à sustentabilidade da agricultura e se posicionar, de maneira clara, sobre o assunto. O CCAS é uma entidade privada, de natureza associativa, sem fins econômicos, pautando suas ações na imparcialidade, ética e transparência, sempre valorizando o conhecimento científico. Os associados do CCAS são profissionais de diferentes formações e áreas de atuação, tanto na área pública quanto privada, que comungam o objetivo comum de pugnar pela sustentabilidade da agricultura brasileira. São profissionais que se destacam por suas atividades técnico-científicas e que se dispõem a apresentar fatos concretos, lastreados em verdades científicas, para comprovar a sustentabilidade das atividades agrícolas. A agricultura, apesar da sua importância fundamental para o país e para cada cidadão, tem sua reputação e imagem em construção, alternando percepções positivas e negativas, não condizentes com a realidade. É preciso que professores, pesquisadores e especialistas no tema apresentem e discutam suas teses, estudos e opiniões, para melhor informação da sociedade. É importante que todo o conhecimento acumulado nas Universidades e Instituições de Pesquisa seja colocado à disposição da população, para que a realidade da agricultura, em especial seu caráter de sustentabilidade, transpareça. Mais informações no website: http://agriculturasustentavel.org.br/. Acompanhe também o CCAS no Facebook: http://www.facebook.com/agriculturasustentavel. –Secom

tvgazetalife@hotmail.com
                                                         
JORNAL GAZETA LIFE               
“A notícia levada a sério”          
(34) 3427-1384                               
(34) 9929-5718 - VIVO
(34) 8424-0417 – CLARO
(34) 9177-6477 – TIM         

(34) 9971-4879 - CTBC

BARRETOS COUNTRY HOTEL APOIA EVENTO ESPORTIVO DO MINERVA FOODS

O resort Barretos Country Hotel apoiou a primeira edição do Minerva Run, realizado pela indústria frigorífica Minerva Foods, exclusivamente para funcionários, no último domingo (15), no Parque do Peão de Barretos. O evento contou com três categorias, sendo corrida de 5km, caminhada de 4 km e ação para crianças – Kids. Com o intuito de fomentar a prática esportiva e integrar os funcionários da empresa, o evento reuniu cerca de 250 participantes.  Os primeiros colocados das categorias feminino e masculino receberam premiação especial, os demais participantes participaram de sorteio de prêmios concedidos por apoiadores, sendo 14 pessoas premiadas com brindes e passaportes para o parque aquático do Barretos Country Hotel. O subgerente do resort, Fábio Marcondes, destacou a importância de apoiar ações esportivas e culturais “também é nossa responsabilidade valorizar estas ações de forma a incentivar o desenvolvimento  da cidade”, disse. –Secom

tvgazetalife@hotmail.com
                                                         
JORNAL GAZETA LIFE               
“A notícia levada a sério”          
(34) 3427-1384                               
(34) 9929-5718 - VIVO
(34) 8424-0417 – CLARO
(34) 9177-6477 – TIM         

(34) 9971-4879 - CTBC

CASA COR SP MARCA ESTREIA DA GARAGEM DE ESTAR RENAULT

Inovação e design se unem na maior mostra de decoração, arquitetura e paisagismo da América Latina – a Casa Cor – e também na picape Renault DusterOroch, carro oficial do evento, que começa hoje (17), em São Paulo, no Jockey Club. Pelo segundo ano consecutivo, a marca é apoiadora oficial da mostra, que, neste ano, estreia um novo conceito na capital Paulista: a “Garagem de Estar Renault”, ambiente que propõe a utilização da garagem como um espaço informal de convivência, perfeito para receber amigos e passar bons momentos. “Participar pelo segundo ano consecutivo da Casa Cor mostra, mais uma vez, a importância do design para a estratégia de crescimento da Renault. Por ser inovadora e versátil, a DusterOroch irá proporcionar aos arquitetos de todo o país a oportunidade de desenvolver vários tipos de ambiente. Além disso, a Casa Cor propõe como tema neste ano a celebração da vida, algo que se alinha perfeitamente à nossa assinatura mundial Passion for Life”, afirma Bruno Hohmann, diretor de Marketing da Renault. A Casa Cor São Paulo promove a estreia da Garagem de Estar Renault, criada por Maurício Arruda, arquiteto, designer e apresentador do programa “Decora”, do canal a cabo GNT. Embaixador da Renault no evento, Arruda utilizou na decoração do seu espaço itens exclusivos criados por ele a partir de peças de carros da marca. Esses materiais estarão presentes também em todas as edições da Casa Cor 2016, que chegará a outras 17 cidades brasileiras. A mostra de São Paulo também conta com o ambiente Casa com Garagem Renault, assinado pela arquiteta Ana Maria Vieira Santos, profissional que tem em seu portfólio projetos no Brasil, na Europa e nos Estados Unidos. A Casa com Garagem Renault tem como destaque a picape DusterOroch. Mobilidade sustentável - Reforçando também seu compromisso com o meio ambiente, a Renault terá dois veículos elétricos Twizy expostos na Casa Cor São Paulo 2016. Um deles estará na Garagem de Estar Renault. Outra unidade ficará posicionada na Casa Acqua, espaço que promove a construção mais sustentável, sem desperdícios. O Twizy está à venda em 35 países e, no Brasil, pode ser visto em ações da Renault com parceiros como a Itaipu Binacional. DusterOroch - Uma picape robusta, cabine dupla, com quatro portas, excelente espaço para cinco passageiros, caçamba generosa e com tamanho na medida certa. São estes os grandes trunfos da inovadora DusterOroch, modelo que inaugurou um segmento no Brasil ao se posicionar estrategicamente entre as picapes compactas e as médias, unindo as melhores características de ambas. A DusterOroch é perfeita para quem procura liberdade e não abre mão de grande espaço interno e da versatilidade de uma picape, seja para o trabalho ou para o lazer. Derivada de um verdadeiro SUV, o Renault Duster, a picape fabricada em São José dos Pinhais (PR) traz suspensão traseira multilink em todas as versões, entre-eixos maior em relação ao Duster e dirigibilidade aprimorada para oferecer uma condução precisa e segura como a de um carro de passeio, tanto com a caçamba vazia quanto carregada. As linhas da Renault DusterOroch são assinadas pelo Technocentre da Renault, na França, em parceria com o Renault Design América Latina (RDAL), o único estúdio de desenho e estilo da marca no continente americano, localizado em São Paulo. A traseira da picape com desenho harmônico valoriza a caçamba de grandes dimensões e a robustez do veículo. Casa Cor São Paulo - A Casa Cor São Paulo será realizada de 17 de maio a 10 de julho, em uma edição comemorativa pelo 30º aniversário da mostra. Por isso, neste ano, arquitetos, designers e paisagistas foram convidados a pensar a casa como espaço de celebração da vida. Liderada por Livia Pedreira, a Casa Cor segue sua premissa de unir profissionais, indústria, lojistas e toda a cadeia envolvida na arte do morar, para impactar e trazer novas informações aos visitantes. –Secom

tvgazetalife@hotmail.com
                                                         
JORNAL GAZETA LIFE               
“A notícia levada a sério”          
(34) 3427-1384                               
(34) 9929-5718 - VIVO
(34) 8424-0417 – CLARO
(34) 9177-6477 – TIM         
(34) 9971-4879 - CTBC

EXPOSIÇÃO ESTADUAL AGROPECUÁRIA TERÁ CERCA DE 1.300 ANIMAIS ENTRE BOVINOS E EQUÍDEOS

Entre as novidades deste ano está a participação no evento de outros setores do agronegócio mineiro como floricultura e piscicultura. Um dos mais tradicionais eventos da pecuária mineira, a Exposição Estadual Agropecuária realiza de 31 de maio a 5 de junho a sua 56ª. edição. Com entrada gratuita, o evento será realizado no Parque da Gameleira, em Belo Horizonte, e terá, além dos julgamentos e leilões de animais, diversas atrações nos setores da piscicultura, floricultura, aquacultura de corte e eventos técnicos com cursos e palestras. Será realizada também a 1ª. Feira Pró-genética e Pró-fêmeas em BH, que vai colocar à venda touros e matrizes das raças zebuínas, girolando e senepol. A realização é da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) e do Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA), juntamente com o sistema da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (Faemg).  A participação nos cursos é gratuita, com vagas limitadas. As inscrições já podem ser feitas no endereço https://goo.gl/g48U4UPecuária - A exposição contará com a participação de cerca de 1.300 animais entre bovinos e equídeos. Eles participarão dos julgamentos que irão premiar os melhores exemplares entre aqueles que mais se aproximam do padrão morfológico de cada raça. No caso dos equídeos será avaliado também o desempenho dos animais na pista de grama do parque da Gameleira. A agenda da exposição contará com a participação das raças de bovinos (guzerá, brahman, nelore, senepol, wagyu e sindi) e de equídeos (mangalarga marchador, campolina, árabe, jumento pêga, pônei e pampa). Serão realizados quatro leilões de equídeos. Minas Gerais possui o segundo maior rebanho de bovinos do Brasil, com cerca de 23,9 milhões de animais e lidera o plantel nacional de equídeos, com aproximadamente 763 mil cabeças. “A exposição é um evento tradicional para os mineiros, pois permite aos visitantes, especialmente de Belo Horizonte e Região Metropolitana, conhecerem de perto animais que fazem parte da elite da pecuária de Minas, momento em que os produtores apresentam os melhores exemplares do seu rebanho. Os julgamentos, por sua vez, contribuem para a valorização financeira dos animais premiados, o que repercute de forma positiva também para o conjunto do plantel do produtor que tem animais vencedores”, argumenta o secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas, João Cruz Reis Filho. Flores e peixes - A 56ª Exposição vai abrigar eventos de outras áreas do agronegócio mineiro, entre eles a Exposição Estadual de Flores e Folhagens, que vai apresentar um pouco da floricultura mineira, setor que vem demonstrando significativa importância para a economia do estado. Outras atrações serão a 1ª. Exposição Estadual de Peixes Ornamentais e o Concurso Nacional de Peixes Ornamentais, aliado à mostra dos segmentos da aquacultura.  “O objetivo é apresentar à sociedade o potencial da aquicultura mineira, dando ênfase ao fortalecimento da cadeia de valor do pescado e, em especial, o segmento da piscicultura ornamental”, explica Lucas Rocha Carneiro, superintendente de Desenvolvimento Agropecuário da Seapa. Cachaça - A 56ª. Exposição terá também uma agenda com 44 eventos técnicos entre palestras e cursos. Em pauta, aprender a degustar cachaça, produção de tilápia, própolis verde, crédito rural, gestão de empreendimentos pecuários  e manejo em bem-estar animal. E ainda, doenças diversas que podem acometer bovinos e equinos. Feira do Pró-genética - A 56ª. Exposição vai abrigar também a 1ª Feira Pró-Genética e Pró-Fêmeas que irá colocar à venda touros e matrizes das raças zebuínas, girolando e senepol, garantidos pelas associações de criadores e com teste negativo de brucelose e tuberculose. Os operadores de crédito serão Crediminas e Banco do Brasil. Todos os animais que estarão à venda atendem aos requisitos do Programa de Melhoria da Qualidade Genética do Rebanho Bovino de Minas Gerais, realizado em parceria pela Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ), Seapa, Emater–MG, Epamig, IMA, girolando, senepol e simental-simbrasil.  A feira tem o apoio da Faemg,  Fetaemg e  Sistema Ocemg. O Sistema Faemg estará presente com estande institucional, onde os visitantes poderão conhecer mais sobre sua atuação junto aos produtores mineiros, além dos mais de 300 cursos, treinamentos e programas especiais oferecidos pelo Sistema. Em espaço dedicado ao Senar Minas, 12 ex-alunos divulgarão seu trabalho, colocando à venda produtos alimentícios e de artesanato aprendidos nos cursos da entidade. –Secom

tvgazetalife@hotmail.com
                                                         
JORNAL GAZETA LIFE               
“A notícia levada a sério”          
(34) 3427-1384                               
(34) 9929-5718 - VIVO
(34) 8424-0417 – CLARO
(34) 9177-6477 – TIM         

(34) 9971-4879 - CTBC

PASSAGEM DA TOCHA OLÍMPICA POR MINAS GERAIS É MARCADA POR MOMENTOS INESQUECÍVEIS

Ruas enfeitadas, população participativa, crianças fantasiadas, manifestações culturais e muito mais caracterizam o revezamento do maior símbolo olímpico em território mineiro. Do Triângulo Mineiro à Zona da Mata, a Tocha Olímpica percorreu mais de 30 localidades em solo mineiro nos últimos 10 dias. Em cada lugar, a chama olímpica foi recepcionada de uma maneira muito especial e sempre com muita alegria e entusiasmo por parte de população. Essa combinação resultou em momentos inesquecíveis que, certamente, vão ficar na memória de milhares de mineiros que presenciaram a passagem do revezamento em suas cidades. Confira, abaixo, alguns destes momentos marcantes proporcionados pelo Tour da Tocha em Minas Gerais. Para cada dia uma imagem, um registro único que resume o que de melhor aconteceu durante a passagem do fogo olímpico por Minas Gerais. 7/5 – Milhares de araguarinos recepcionam a Tocha - Depois de quatro dias do início do revezamento, a Tocha Olímpica chegou a Minas Gerais. Araguari, no Triângulo Mineiro, recebeu a chama olímpica em meio a muita festa que mobilizou mais de 20 mil araguarinos em frente ao Palácio dos Ferroviários, antiga Estação da Estrada de Ferro Goiás. A cavalo, Pedro Naves Rodrigues, fundador e presidente do Clube de Cavalgada Tropeiros do Cerrado de Araguari, conduziu a Tocha Olímpica até o loca da cerimônia festiva. 8/5 - Tocha Olímpica é conduzida pela seleção de Futsal - Durante o intervalo da final da Copa Sul-Americana de Futsal, disputada entre Brasil e Argentina na cidade de Uberaba, a Tocha Olímpica foi conduzida dentro do ginásio pelo jogador Falcão, capitão da Seleção Brasileira. De Uberaba o revezamento seguiu para Araxá, onde a caravana percorreu as enfeitadas ruas históricas até chegar ao ponto final do revezamento na cidade, na Fundação Cultural Museu Calmon Barreto. O araxaense Calmon Barreto (1909-1994) foi gravador, pintor, escultor e contista de grande renome. 9/5 - Benjamim Guimarães apresenta a cultura barranqueira - O terceiro dia do Tour da Tocha por Minas Gerais passou por Pirapora. Na cidade ribeirinha, que fica às margens do Rio São Francisco, a cerimônia de passagem da chama olímpica foi marcada por apresentações culturais que remetem à cultura barranqueira e à rica identidade do povo piraporense. A festividade aconteceu sobre o maior patrimônio histórico-cultural do município, o Vapor Benjamim Guimarães. A embarcação chegou ao município na década de 1920 e é a única de seu gênero - movido a vapor de lenha - em atividade do mundo. 10/5 – Vesperata celebra o espírito olímpico - A recepção do comboio olímpico na cidade de Diamantina aconteceu de uma maneira muito especial. Depois de passarem por locais históricos, como o passadiço da Glória, e serem saudados com fantasias de época e chuva de bolas de sabão, a caravana foi recepcionada na rua da Quitanda pela Vesperata, que interpretava a música Carruagens de Fogo. Na sacada do casario histórico, os instrumentistas davam vida à canção, composta pelo grego Vangelis para o filme do mesmo nome e que virou hino de corridas e maratonas. 11/5 - Tocha Olímpica salta do Ibituruna - Governador Valadares viveu um momento histórico. Do alto do Pico do Ibituruna, imponente formação rochosa e cartão-postal valadarense que fica a 1.123 metros acima do nível do mar, a Tocha Olímpica saltou de parapente (paraglider) pela primeira vez na história dos Jogos Olímpicos. O responsável por realizar o feito foi o militar reformado Moisés Sodré, bicampeão brasileiro de voo livre, três vezes vice-campeão nacional, que também coleciona títulos estaduais, municipais e recordes em competições. 12/5 - Drummondzinhos acolhem a Tocha Olímpica - No Alto do Pico do Amor, na cidade de Itabira, a Tocha Olímpica foi acesa dentro do Memorial Carlos Drummond de Andrade enquanto um grupo de jovens declamava o poema “No meio do caminho”, um dos mais célebres do autor itabirano. Após a breve cerimônia, a corredora de rua e educadora Larissa Marcelle Moreira foi aclamada por um afetuoso corredor formado por Drummondzinhos, turma de crianças trajadas com as vestes que eternizariam o poeta itabirano. Com balões brancos em mãos, os pequenos de 6 e 7 anos ficaram encantados. 13/5 - Turistas do Inhotim são surpreendidos - Encerrando seu sétimo dia de passagem por Minas Gerais, a Tocha Olímpica esteve no Instituto Inhotim, em Brumadinho. O local é a sede de um dos mais importantes acervos de arte contemporânea do Brasil e considerado o maior centro de arte ao ar livre da América Latina. Ponto de parada de turistas que buscam apreciar a arte e belezas naturais, Inhotim manteve sua programação normal durante todo o dia e alguns dos visitantes que estavam no espaço foram surpreendidos pela passagem da chama olímpica. 14/5 - Mineirão é ponto de parada da Tocha - O maior templo do esporte mineiro recebeu, a Tocha Olímpica. Aos 50 anos, o Mineirão, que será uma das sedes do Torneio Olímpico de Futebol, teve em seu gramado, por onde passaram inúmeros craques ao longo de cinco décadas, a chama que, no dia 5 de agosto, no Maracanã, acenderá a pira olímpica na abertura dos Jogos Rio 2016. No estádio, o fogo foi conduzido por dois campeões olímpicos de voleibol: a mineira Sheilla Castro, atual jogadora da Seleção Brasileira, e Nalbert Bittencourt, que se aposentou em 2010. 15/5 - Passeio de Maria Fumaça marca o revezamento - Depois de passar pelas igrejas históricas de São João del-Rei, a chama olímpica partiu para a Estação Ferroviária de onde seguiu para Tiradentes na tradicional Maria Fumaça. O trem – remanescente da linha inaugurada em 1881 por Dom Pedro II, a Estrada de Ferro Oeste de Minas – foi um importante corredor logístico para o transporte da produção agrícola e industrial do país. Atualmente, a Maria Fumaça é uma atração turística da região.  O complexo ferroviário é tombado pelo Patrimônio Histórico Nacional. 16/5 – Festa de despedida atrai multidão - O comboio olímpico se despediu de Minas Gerais em Muriaé, no dia em que a cidade completa 161 anos de emancipação político-administrativa. A tocha olímpica foi conduzida ao Grande Hotel Muriahé pela atleta de MMA Poliana Botelho, que foi ovacionada pelos milhares de muriaenses presentes. A festa ficou completa com a apresentação de grupos culturais locais, como a Escola de Samba Unidos do Santa Terezinha, a Banda Marcial de Muriaé e a Fundação Internacional de Capoeira Artes das Gerais. – Secom

tvgazetalife@hotmail.com
                                                         
JORNAL GAZETA LIFE               
“A notícia levada a sério”          
(34) 3427-1384                               
(34) 9929-5718 - VIVO
(34) 8424-0417 – CLARO
(34) 9177-6477 – TIM         

(34) 9971-4879 - CTBC

ACERVO DE ARTES VISUAIS DA FUNDAÇÃO CLÓVIS SALGADO VAI CIRCULAR PELOS MUNICÍPIOS MINEIROS PELA PRIMEIRA VEZ

Termo de Cooperação Cultural assinado entre FCS e Fundação Municipal de Cultura de Congonhas amplia diálogo entre capital e interior. Patrimônio Cultural da Humanidade, a histórica cidade de Congonhas, na Região Central do estado, é o primeiro município a receber o acervo de Artes Visuais daFundação Clóvis Salgado. Em parceria inédita com a Fundação Municipal de Cultura, Lazer e Turismo de Congonhas, a FCS vai realizar a itinerância da exposição “Recorte: Acervo da Fundação Clóvis Salgado” para o Museu de Congonhas, inaugurado em dezembro de 2015.  O Termo de Cooperação Cultural para ‘Itinerância de Artes Visuais’, que firmou a parceria, foi assinado nessa segunda-feira (16/5), no Palácio das Artes, pelo presidente da FCS, Augusto Nunes-Filho; pelo prefeito de Congonhas, José de Freitas Cordeiro (Zé Linho); e pelo presidente da Fundação Municipal de Cultura, Lazer e Turismo de Congonhas, Sérgio Rodrigo Reis. Integrantes da equipe técnica cultural de Congonhas também participaram da solenidade. A proposta dessa iniciativa inédita visa ampliar a interlocução cultural com os territórios mineiros, além de garantir que diferentes municípios tenham acesso às várias atividades culturais realizadas pela FCS em Belo Horizonte. O ponto de partida são as exposições artísticas, como explicou o presidente da FCS, Augusto Nunes-Filho. “Estamos levando produções de notórios artistas mineiros para o berço da produção artística de Aleijadinho, um dos grandes mestres da arte em Minas Gerais, senão o maior de todos”, diz Nunes-Filho. O presidente também destacou a importância dessa iniciativa para a Fundação Clóvis Salgado ao ressaltar que a instituição vai promover novas itinerâncias em outras cidades mineiras. “Pretendemos que essa itinerância seja também uma via de mão dupla. Vamos entrar em contato com secretarias de Cultura, fundações culturais de vários locais do estado. Nós queremos levar nosso trabalho para fora do Palácio das Artes, mostrar o que a FCS tem realizado em Belo Horizonte e garantir que o interior também tenha acesso a essas produções”, afirma. Obras de várias gerações - A exposição “Recorte: Acervo da Fundação Clóvis Salgado” reinaugurou a Galeria Mari’Stella Tristão, no Palácio das Artes, em março deste ano. A mostra reúne trabalhos de artistas mineiros de diferentes gerações. Segundo o diretor de Relações Institucionais e chefe de Gabinete da FCS, Gilvan Rodrigues, levar a exposição “Recorte” para o interior do estado é uma demanda que vem sendo percebida já há algum tempo. A partir dessa primeira itinerância em Congonhas, a Fundação vai intensificar suas ações de circulação. “Esse diagnóstico vem do nosso fazer cultural diário. Temos percebido a importância de ampliar o diálogo de uma Instituição da capital com os demais Municípios e reafirmar nossa política pública”, explica Rodrigues. De acordo com o prefeito de Congonhas, Zé Linho, essa parceria é histórica e é uma vitória para a cidade. “É um prazer imenso receber a Fundação Clóvis Salgado no Museu de Congonhas, um espaço tão importante para a arte mineira”. De acordo com o presidente da Fundação Municipal de Cultura, Lazer e Turismo do município, Sérgio Rodrigo Reis, essa “abertura de portas por parte da FCS é muito importante. Nós estamos muito satisfeitos com essa iniciativa”. –Secom

tvgazetalife@hotmail.com
                                                         
JORNAL GAZETA LIFE               
“A notícia levada a sério”          
(34) 3427-1384                               
(34) 9929-5718 - VIVO
(34) 8424-0417 – CLARO
(34) 9177-6477 – TIM         

(34) 9971-4879 - CTBC

CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE TERMINA NA SEXTA-FEIRA

A vacinação contra a gripe para a população que faz parte do grupo de risco vai até esta sexta-feira (20) no Paraná. Idosos com mais de 60 anos, crianças de seis meses até cinco anos incompletos, gestantes, mulheres que deram à luz nos últimos 45 dias e portadores de doenças crônicas podem procurar a Unidade de Saúde mais próxima para receber a vacina. “O Paraná antecipou a campanha de vacinação e a adesão da população foi extraordinária. Provavelmente, com a alimentação dos sistemas de informação pelos profissionais de saúde, já tenhamos atingindo a meta, antes mesmo do prazo final da campanha”, disse o secretário estadual da Saúde, Michele Caputo Neto. De acordo o coordenador estadual de Imunização, João Luis Crivellaro, até esta segunda-feira (16) o Paraná vacinou mais de 78% do público-alvo – a meta é atingir 80% da população que tem direito à vacina. A campanha também é dirigida a outros públicos de risco, como trabalhadores de saúde, população indígena e pessoas privadas de liberdade. Os grupos de crianças e gestantes atingiram apenas 69% e 58% da população vacinada, respectivamente. “Nossa maior preocupação agora é com as gestantes. Os sintomas da gripe podem evoluir muito mais rápido durante a gravidez e levar a quadros graves da doença”, afirma o coordenador. PREVENÇÃO – Mesmo com a vacinação, os cuidados para prevenir a gripe devem continuar. É necessário lavar as mãos frequentemente com água e sabão, especialmente depois de tossir ou espirrar e ao chegar da rua. Outra orientação é cobrir a boca e o nariz com um lenço descartável quando for tossir ou espirrar. As superfícies e objetos que entram em contato frequente com as mãos, como mesas, teclados, maçanetas e corrimãos, devem ser limpos com álcool. Objetos de uso pessoal, como copos, talheres e alimentos, não devem ser compartilhados. Também é necessário evitar ambientes fechados e com aglomeração de pessoas. De acordo com a médica Julia Cordelline, chefe do Centro Estadual de Epidemiologia, pacientes que apresentarem febre com mais de 38ºC, tosse ou dor de garganta devem procurar um médico. “Dificuldade para respirar, fortes dores no corpo e desidratação indicam que o quadro está se agravando e a pessoa deve procurar atendimento urgente”, diz. Em caso de dúvidas, profissionais da Secretaria Estadual de Saúde estão disponíveis para esclarecimentos pelo telefone 0800 643 8484. ATUALIZAÇÃO – Do início do ano até esta segunda-feira (16) foram contabilizados 478 casos de influenza no Estado. Destes, 446 correspondem ao vírus H1N1. Os números totalizam casos de Síndromes Respiratórias Agudas, que demandam internação do paciente, e Síndromes Gripais registrados nas 23 Unidades Sentinelas do Paraná. No mesmo período, foram confirmados 30 óbitos por H1N1 nos seguintes municípios: Antonina (1), Curitiba (3), Quitandinha (1), São José dos Pinhais (1), Rio Azul (1), Chopinzinho (1), Francisco Beltrão (1), Marmeleiro (3), Foz do Iguaçu (7), Espigão Alto do Iguaçu (1), Campo Mourão (2), Umuarama (1), Maringá (1), Apucarana (2), Londrina (1), Andirá (1), Cornélio Procópio (1) e Toledo (1). –Secom

tvgazetalife@hotmail.com
                                                         
JORNAL GAZETA LIFE               
“A notícia levada a sério”          
(34) 3427-1384                               
(34) 9929-5718 - VIVO
(34) 8424-0417 – CLARO
(34) 9177-6477 – TIM         

(34) 9971-4879 - CTBC

RICHA ENTREGA 80 NOVAS AMBULÂNCIAS PARA PREFEITURAS E CONSÓRCIO DE SAÚDE

O governador Beto Richa entregou nesta terça-feira (17), em Curitiba, um novo lote de ambulâncias para ampliar a frota da saúde disponível em todas as regiões do Estado. Foram investidos R$ 7,6 milhões na aquisição dos 80 veículos, totalmente equipados para o transporte adequado de pacientes. Também foram entregues quatro veículos que auxiliarão nas ações do Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate). As ambulâncias são do modelo Renault Master e foram entregues a 77 municípios, ao Consórcio Intermunicipal de Saúde da Costa Oeste do Paraná, ao Pequeno Cotolengo e ao Hospital da APMI, em União da Vitória. Elas poderão ser utilizadas para o resgate e transferência de pacientes entre serviços de saúde. Em cinco anos, o Governo do Estado já distribuiu 2.188 veículos para o transporte na área da saúde a hospitais e municípios paranaenses, dos quais 560 ambulâncias. “Melhoramos muito o atendimento na área da saúde pública no Estado, mesmo com a ausência de apoio do governo federal, que bloqueou recursos do setor para o Paraná”, disse Richa. O governador destacou que o Estado garante, com recursos próprios, a ampliação do atendimento no setor. “Conseguimos avançar, garantindo investimentos em programas que ajudam no funcionamento hospitais públicos e filantrópicos e na aquisição de equipamentos. Mantemos boa parceria com as prefeituras e os consórcios municipais de saúde também no atendimento do Siate e Samu”, explicou. Richa declarou que o aumento dos investimentos é possível porque o Paraná se antecipou à crise e promoveu o ajuste fiscal, que garante recursos para apoiar todos os municípios. “O Paraná avança em meio à crise econômica nacional e é o único estado a conceder o reajuste do funcionalismo. Iremos investir, neste ano, R$ 8 bilhões em todas as áreas e regiões do Estado”, afirmou. SEGURANÇA E AGILIDADE – O secretário da Saúde, Michele Caputo Neto, explicou que os novos veículos trazem mais agilidade e segurança aos pacientes. “O transporte de pacientes deve ser feito em veículos que tenham condições de trafegar em nossas estradas”, disse o secretário. Ele destacou que, além das ambulâncias, o Governo do Estado já entregou aos municípios ônibus e vans para o transporte sanitário intermunicipal e carros pequenos para a saúde da família. “Nenhum município do Paraná ficou de fora. O governo trabalha pensando em todo o Paraná, na sustentabilidade de todas as regiões e esse é um processo que não vai parar”, afirmou. O secretário também citou a organização do transporte aéreo na área saúde. O atendimento com os helicópteros do Estado contribuiu para reduzir em 27% o número de vítimas fatais em acidentes de trânsito e fez com que o Paraná saltasse da décima para a terceira posição entre os estados com o maior número de transplantes. “É um sistema que está a serviço da vida. No governo Beto Richa, a vida prevalece”, ressaltou. URGÊNCIA E EMERGÊNCIA – Em pequenos municípios, a ambulância é essencial no atendimento às situações de urgência e emergência. Quando um paciente necessita de serviços de maior complexidade, ele deve ser transferido para um hospital de referência em sua região. Para isso, o transporte tem que ter a estrutura necessária para o deslocamento. É o caso do município de Terra Roxa, no Oeste do Estado, onde os pacientes da emergência ou de especialidades médicas são deslocados para o atendimento em Toledo ou Cascavel. “São deslocamentos diários de 100 ou 150 quilômetros. Por isso os veículos que recebemos do governo estadual são de fundamental importância para o atendimento emergencial”, explicou o prefeito Ivan Reis. “O governador Beto Richa tem feito grande diferença para os municípios estruturarem tanto as unidades básicas de saúde, como os equipamentos e a frota veículos”, disse. O prefeito de Ampére, Hélio Manoel Alves, afirmou que o apoio do governo estadual é essencial para a renovação da frota do município. “Este veículo chega em uma hora que o município precisa muito, já que nossa ambulância não tinha mais condições de levar os pacientes a Curitiba”, contou Alves. “Chegando a Ampére ela já será usada para atender à população. Desde que assumi a prefeitura, em 2013, tenho parcerias com o Governo do Estado que tem resultado em bons frutos”, afirmou o prefeito. As ambulâncias da cidade de Leópolis, no Norte do Paraná, já não tinham mais condições de atender aos 4,2 mil moradores. “Estávamos com dificuldades porque perdemos uma ambulância em um acidente. Conseguimos comprar outra, com recursos do Estado, e agora ganhamos mais esta, que trará melhor qualidade no atendimento”, afirmou a prefeita Cléa de Oliveira. “O governo e a Secretaria da Saúde têm pensado na mobilidade e no bem-estar da população. Além da ambulância, também conseguimos uma nova unidade básica de saúde. Há um olhar especial para satisfazer a carência da nossa população”, declarou Cléa. PRESENÇAS - Participaram da solenidade a vice-governadora Cida Borghetti; o secretário-chefe da Casa Civil, Valdir Rossoni; os secretários da Segurança Pública, Wagner Mesquita; da Comunicação Social, Márcio Villela; da Fazenda, Mauro Ricardo Costa; da Justiça, Trabalho e Direitos Humanos, Artagão Junior; do Esporte e Turismo, Douglas Fabrício; e da Educação, Ana Seres; o presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, Ademar Traiano; o diretor do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) Orlando Pessuti; e os deputados estaduais Luiz Cláudio Romanelli, Guto Silva, Tiago Amaral, Élio Rush, Doutor Batista, Tião Medeiros, Felipe Francischini, Cobra Repórter, José Carlos Schiavinato, André Bueno, Márcio Nunes, Fernando Scanavaca, Paulo Litro, Jonas Guimarães, Stephanes Junior; Francisco Buhrer, Alexandre Guimarães, Mara Lima, Cláudia Pereira, Alexandre Curi, Bernardo Carli, Hussein Bakri e Vilmar Recheimback. BOX: Municípios beneficiados com o novo lote de ambulâncias - Adrianópolis, Alto Piquiri, Alvorada do Sul, Ampére, Andirá, Astorga, Boa Ventura do São Roque, Borrazópolis, Campo Largo, Centenário do Sul, Colorado, Contenda, Cornélio Procópio, Coronel Vivida, Douradina, Doutor Camargo, Doutor Ulysses, Fazenda Rio Grande, Flórida, General Carneiro, Goioxim, Grandes Rios, Guaíra, Guapirama, Guaraqueçaba, Iporã, Iracema do Oeste, Itaipulândia, Itaperuçu, Ivaí, Jundiaí Do Sul, Kaloré, Leópolis, Loanda, Mandaguaçu, Mandirituba, Marechal Cândido Rondon, Marmeleiro, Matelândia, Morretes, Nova Olímpia, Nova Prata do Iguaçu, Ortigueira, Ourizona, Palmital, Paraíso do Norte, Pérola, Pinhalão, Pinhão, Piraí Do Sul, Pitanga, Porto Amazonas, Rio Branco Do Sul, Rio Negro, Rolândia, Roncador, Sabáudia, Salto do Lontra, Santa Fé, Santa Helena, Santo Antônio do Caiuá, São José dos Pinhais, São Pedro do Iguaçu, São Sebastião da Amoreira, Sapopema, Sengés, Terra Roxa, Tibagi, Toledo, Três Barras Do Paraná, Turvo, Ubiratã, Umuarama, Ventania e Xambrê. –Secom

tvgazetalife@hotmail.com
                                                         
JORNAL GAZETA LIFE               
“A notícia levada a sério”          
(34) 3427-1384                               
(34) 9929-5718 - VIVO
(34) 8424-0417 – CLARO
(34) 9177-6477 – TIM         

(34) 9971-4879 - CTBC

CAMPANHA DA VACINA ATINGE META, MAS IMUNIZAÇÃO CONTINUA ATÉ SEXTA

A campanha de vacinação contra a gripe atingiu a meta no Paraná, com a imunização, até esta terça-feira (17), de 80% do público-alvo que tem direito à vacina. Mesmo com o resultado, a campanha continua até sexta-feira (20). Idosos com mais de 60 anos, crianças de seis meses até cinco anos incompletos, gestantes, mulheres que deram à luz nos últimos 45 dias e portadores de doenças crônicas podem procurar a Unidade de Saúde mais próxima para receber a vacina. “O Paraná antecipou a campanha de vacinação e a adesão da população foi extraordinária”, afirmou o secretário de Estado da Saúde, Michele Caputo Neto. A campanha também é dirigida a outros públicos de risco, como trabalhadores de saúde, população indígena e pessoas privadas de liberdade. Os grupos de crianças e gestantes atingiram apenas 72% e 61% da população vacinada, respectivamente. “Nossa maior preocupação agora é com as gestantes. Os sintomas da gripe podem evoluir muito mais rápido durante a gravidez e levar a quadros graves da doença”, afirma o coordenador estadual de Imunização, João Luis Crivellaro. PREVENÇÃO – Mesmo com a vacinação, os cuidados para prevenir a gripe devem continuar. É necessário lavar as mãos frequentemente com água e sabão, especialmente depois de tossir ou espirrar e ao chegar da rua. Outra orientação é cobrir a boca e o nariz com um lenço descartável quando for tossir ou espirrar. As superfícies e objetos que entram em contato frequente com as mãos, como mesas, teclados, maçanetas e corrimãos, devem ser limpos com álcool. Objetos de uso pessoal, como copos, talheres e alimentos, não devem ser compartilhados. Também é necessário evitar ambientes fechados e com aglomeração de pessoas. De acordo com a médica Julia Cordellini, chefe do Centro Estadual de Epidemiologia, pacientes que apresentarem febre com mais de 38ºC, tosse ou dor de garganta devem procurar um médico. “Dificuldade para respirar, fortes dores no corpo e desidratação indicam que o quadro está se agravando e a pessoa deve procurar atendimento urgente”, diz. Em caso de dúvidas, profissionais da Secretaria Estadual de Saúde estão disponíveis para esclarecimentos pelo telefone 0800 643 8484. ATUALIZAÇÃO – Do início do ano até segunda-feira (16) foram contabilizados 478 casos de influenza no Estado. Destes, 446 correspondem ao vírus H1N1. Os números totalizam casos de Síndromes Respiratórias Agudas, que demandam internação do paciente, e Síndromes Gripais registrados nas 23 Unidades Sentinelas do Paraná. No mesmo período, foram confirmados 30 óbitos por H1N1 nos seguintes municípios: Antonina (1), Curitiba (3), Quitandinha (1), São José dos Pinhais (1), Rio Azul (1), Chopinzinho (1), Francisco Beltrão (1), Marmeleiro (3), Foz do Iguaçu (7), Espigão Alto do Iguaçu (1), Campo Mourão (2), Umuarama (1), Maringá (1), Apucarana (2), Londrina (1), Andirá (1), Cornélio Procópio (1) e Toledo (1).–Secom

tvgazetalife@hotmail.com
                                                         
JORNAL GAZETA LIFE               
“A notícia levada a sério”          
(34) 3427-1384                               
(34) 9929-5718 - VIVO
(34) 8424-0417 – CLARO
(34) 9177-6477 – TIM         

(34) 9971-4879 - CTBC

ESCOLAS TOMBADAS PELO PATRIMÔNIO HISTÓRICO TERÃO MUSEU PRÓPRIO

As escolas da rede estadual tombadas pelo patrimônio histórico terão um museu próprio para catalogar e divulgar seu patrimônio cultural e a contribuição à educação paranaense. A ação faz parte do programa Museu da Escola Paranaense, do Governo do Estado. Nesta terça-feira (17), a Secretaria de Estado da Educação iniciou, em Curitiba, o curso de capacitação “Educação Patrimonial e a Preservação da Cultura Escolar do Paraná”. O curso com duração de 24 horas se destina aos profissionais das 12 escolas tombadas no Estado e dos Núcleos Regionais de Educação onde as unidades estão inseridas. Após a capacitação, os profissionais vão elaborar um Plano de Gestão dos acervos históricos, o que possibilitará a criação do museu próprio da escola. “A construção desses espaços dentro da escola reforçará a importância de cada estabelecimento na composição da cultura e história da educação do Paraná”, disse a superintendente da Educação, Fabiana Campos. Ela ressalta a importância da preservação na formação dos estudantes. “Quando o aluno conhece a história e a importância cultural da escola e da cidade em que vive, passa a preservar e cuidar mais daquele espaço, pois percebe que também faz parte daquela história”, disse a superintendente. A formação é oferecida pela Secretaria da Educação, em parceria com a Secretaria da Cultura, Museu Paranaense, Museu Oscar Niemeyer, Museu da Imagem e do Som do Paraná, Museu Municipal de Arte (de Curitiba), Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar). CAPACITAÇÃO - Durante o curso, os 40 participantes vão trabalhar com vários segmentos da história patrimonial das unidades escolares, não apenas a contada, mas também a material, como os acervos literário e mobiliário, segundo explica a chefe do Grupo Administrativo Setorial da Secretaria da Educação, Andrea Regina Burakoski, que coordena a formação. “O curso trabalha com o resgate material e imaterial, o que irá refletir também no processo de aprendizagem dos nossos estudantes e na preservação desses patrimônios”, disse Andrea. ESTADUAL E INSTITUTO DE EDUCAÇÃO - Por enquanto, somente o Colégio Estadual do Paraná conta com um espaço específico para o acervo histórico. A próxima instituição a contar um museu próprio será o Instituto de Educação do Paraná Professor Erasmo Pilotto, localizado no centro de Curitiba. A criação dos museus nas escolas será expandida gradativamente a todas as escolas tombadas. A instituição já possui um vasto arquivo catalogado que conta parte da história dos seus 140 anos de contribuição para a educação paranaense. “O Instituto tem uma longa história que pode ser colocada à disposição da comunidade de uma maneira mais organizada com a formação do centro histórico”, comentou o diretor do colégio, Lourival de Araújo Filho. PROGRAMA – O programa Museu da Escola Paranaense foi iniciado em 2013 com o objetivo de promover ações de preservação do patrimônio cultural e histórico das escolas da rede pública estadual.  Entre as ações está o curso de “Diálogo sobre a História e a importância da educação patrimonial de Curitiba”, voltado a professores da disciplina de História da rede pública estadual e oferecido pela Secretaria da Educação, em parceria com a Secretaria de Estado da Cultura. A primeira turma iniciou as atividades no início desse mês, com 46 professores da disciplina das escolas estaduais de Curitiba. O curso também está alinhado ao programa Minha Escola Tem Ação (META), que prevê a oferta de cursos de formação continuada aos profissionais da educação.–Secom

tvgazetalife@hotmail.com
                                                         
JORNAL GAZETA LIFE               
“A notícia levada a sério”          
(34) 3427-1384                               
(34) 9929-5718 - VIVO
(34) 8424-0417 – CLARO
(34) 9177-6477 – TIM         

(34) 9971-4879 - CTBC

PARANÁ LANÇA CAMPANHA DE COMBATE À VIOLÊNCIA CONTRA CRIANÇAS

Nesta quarta-feira (18) é lembrado o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Para marcar a data, o Governo do Paraná iniciou uma campanha de combate à violência contra crianças e adolescentes, chamada Viva Infância II. O material da campanha é composto por uma cartilha educativa, que foi distribuída para os 399 municípios do Estado, e uma série de vídeos que serão veiculados em mídias sociais, internet e no hotsite www.vivaainfancia.pr.gov.br, a partir de hoje. Com tiragem de 900 mil exemplares, a cartilha intitulada Quantas Crianças Correndo Perigo Você Consegue Encontrar Aqui? vai estimular as crianças a reconhecerem, nos desenhos apresentados, as diversas formas de violência a que podem estar expostas e a denunciá-las, contando com a ajuda de um adulto.  Já os filmes da campanha reforçam a ideia de que todas as crianças e adolescentes têm o direito à infância e adolescência digna e feliz, mas que uma parcela significativa não tem acesso pleno aos direitos fundamentais. CRIANÇA PROTEGIDA – As ações protetivas também serão reforçadas com o lançamento do Criança Protegida, que deverá ocorrer em breve. O projeto é pioneiro no País e vai identificar biometricamente todas as crianças do Paraná, auxiliando o trabalho do Serviço de Investigação de Criança Desaparecida (Sicride). PROGRAMAÇÃO - A programação dos municípios para lembrar o 18 de Maio contará com palestras, eventos, distribuição de folhetos e abordagem nas escolas e vias públicas. Na Região Oeste, Cascavel realiza a Semana Municipal contra a Violência às Crianças e Adolescentes, que terá a participação de outros municípios da região. Em Santa Tereza do Oeste, acontece a 10º Semana de Sensibilização e Combate às Violências contra Crianças e Adolescentes com atividades culturais, teatros, premiações, artes circenses. A mobilização se repete na região Sul do Paraná. Em Cruz Machado as ações terão a participação das equipes dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras), Secretarias de Estado da Educação, da Saúde e do Conselho Tutelar, com distribuição de panfletos temáticos na comunidade e nas escolas. Também será realizada uma caminhada pelas principais ruas das cidades, com adesão de funcionários públicos municipais, alunos da rede municipal e estadual e pessoas atendidas nos Cras. O município de Londrina promoverá uma palestra com a doutora em psicologia Renata Maria Coimbra, que irá tratar da exploração sexual. No Litoral, será realizado o 2º Encontro do Núcleo Municipal de Prevenção à Violência, Promoção da Saúde e da Cultura da Paz, com o tema: Sensibilização para a Prevenção e Combate à Violência e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Pontal do Paraná sediará o I Encontro Municipal de Enfrentamento ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, com palestras e teatro. Em Morretes e Guaraqueçaba haverá distribuição de material informativo nas escolas públicas e vias públicas, em parceria com as entidades e escolas municipais e estaduais. –Secom

tvgazetalife@hotmail.com
                                                         
JORNAL GAZETA LIFE               
“A notícia levada a sério”          
(34) 3427-1384                               
(34) 9929-5718 - VIVO
(34) 8424-0417 – CLARO
(34) 9177-6477 – TIM         

(34) 9971-4879 - CTBC

HOSPITAL PILAR TEM FARMÁCIA AUTOMATIZADA PELA SOLUÇÃO DA MULTINACIONAL ITALIANA SINTECO

Equipamento Pegasusda Sinteco faz a gestão automática de medicamentos em dose unitária, tornando a dispensação de medicações mais rápida e segura para pacientes. Solução pode ser conferida no estande da multinacional italiana na Hospitalar 2016, de 17 a 20/5 em São Paulo. O Hospital Pilar, de Curitiba (PR), especializado no atendimento geral de alta complexidade para pacientes conveniados e particulares, optou pela solução da Sinteco, divisão de negócios da BucciAutomations, para a automação de sua farmácia. A instituição de saúde é a primeira da América do Sul a implantar o equipamento Pegasusda Sinteco, voltado à gestão automática de medicamentos em dose unitária que permite que o processo de dispensação de medicações seja mais rápido e seguro. São mais de 60 mil pacientes atendidos anualmente em sua estrutura, por uma equipe de cerca de 300 médicos, além de 290 enfermeiros e técnicos. O diretor da Sinteco Hospitalar, Marco D'Inca, destaca que o equipamento Pegasus é capaz de agrupar as medicações e identificar a prescrição pelo nome do paciente, em menos de um minuto. "Esta é uma solução que auxilia as farmácias hospitalares a reduzir custos, otimizar a logística e obter total rastreabilidade dos medicamentos. Ao contar com uma solução que faz automaticamente a administração dos medicamentos e a distribuição de prescrições personalizadas, as equipes do hospital passam a ter mais tempo para o atendimento dos pacientes", disse. Neste contexto, o diretor executivo do Hospital Pilar, Sr. Luis Rodrigo Milano, comenta sobre o futuro das farmácias hospitalares no Brasil e cita como referência operações de sucesso em outras localidades do mundo. "Em países desenvolvidos, a farmácia hospitalar é voltada para a área clínica e tem grande interface com as equipes assistenciais. O farmacêutico otimiza a atuação na farmácia para ficar mais próximo ao paciente e à equipe que o atende diretamente", comenta. "Já no Brasil, estamos caminhando para este futuro com a farmácia clínica sendo cada vez mais reconhecida. Para isto, o ciclo da assistência farmacêutica, que inclui a seleção, programação, aquisição, armazenamento, distribuição e uso dos medicamentos, precisa estar muito bem estabelecido. É necessário garantirmos que o medicamento certo chegue ao paciente certo, na hora certa e na dosagem correta. E, para que aconteça essa dedicação farmacêutica, é indispensável um sistema automatizado que contemple barreiras de segurança (desde à prescrição à dispensação), rastreabilidade de todos os processos, bem como mão de obra especializada e muito bem treinada. Milano destaca ainda que com investimento em tecnologia é possível garantir a qualidade e a segurança dos processos hospitalares. "Antes do equipamento Pegasus da Sinteco a dispensação de medicamentos era inteiramente manual. Com a automação da nossa farmácia, comprovamos o quanto investir em tecnologia é essencial. A ideia é que o uso de recurso avançado contribua para dar suporte à decisão clínica no ato da prescrição médica e auxiliar o farmacêutico na validação da prescrição. Desse modo, o medicamento pode ser dispensado com segurança e qualidade, e com o devido controle de estoque que acontece em todas as etapas do processo de uma maneira ágil e confiável. O relacionamento com a Sinteco tem sido excelente, dinâmico e bastante promissor", completa o diretor. O Hospital Pilar presta atendimento para mais de 40 especialistas, sendo referência nas áreas de cardiologia, neurologia, ortopedia e cirurgia geral. Dentre os seus diferenciais está o trabalho com a filosofia de humanização e o alto investimento em tecnologia. Além de usufruir da farmácia hospitalar automatizada através do equipamento Pegasus da Sinteco, seus pacientes se beneficiam de UTI humanizada (apartamentos com direito a acompanhante 24 horas); centro cirúrgico interligado com a “nuvem”; câmara de oxigenoterapia hiperbárica, entre outros avanços. Adicionalmente, o hospital mantém diversas iniciativas em prol do paciente, como uma comissão de controle de infecções hospitalares, um grupo de terapia multiprofissional do paciente oncológico e o projeto "Música no Hospital". A Sinteco estará demonstrando seu equipamento Pegasus para a administração automática de medicamentos em dose unitária com personalização de prescrições na 23ª edição da feira Hospitalar. Os visitantes do maior evento de saúde das Américas, que acontece entre os dias 17 a 20/5 no Expo Center Norte (São Paulo), poderão conferir a solução no estande da multinacional italiana, localizado na Rua E/117 do pavilhão branco da área de exposição. Mais informações sobre a Hospitalar 2016 podem ser obtidas no ww.hospitalar.com/pt/. Sobre o Hospital Pilar - Fundado em 1964, por João Iltaumyr Milano e MilvaSchruber Milano, o Hospital Pilar está localizado na cidade de Curitiba (PR), numa área de 10 mil m2, onde presta atendimento geral de alta complexidade, 24 horas - incluindo casos de urgência e emergência para pacientes conveniados e particulares. Com certificação ONA nível 2 (Acreditado Pleno), presta atendimento para mais de 40 especialidades através de uma equipe de cerca de 300 médicos, além de 290 enfermeiros e técnicos. Aproximadamente 60 mil pacientes são atendidos anualmente em seus consultórios. Para mais informações sobre o Hospital Pilar, de Curitiba (PR), acesse: http://www.hospitalpilar.com.br. Sobre a Sinteco - A Sinteco, divisão de negócios da BucciAutomations, é especialista global na automação de processos. A empresa tornou-se líder mundial no âmbito da automação industrial, reunindo mais de três décadas de experiência na criação, desenvolvimento e produção de máquinas especiais e linhas robotizadas. Em 2002 houve a criação da unidade de negócios, Hospital Automation, inteiramente dedicada a projetos e produção de sistemas automatizados para o setor hospitalar. Desde a sua fundação na Itália, já foram realizadas mais de 2,7 mil instalações em diversos países, dentre as quais estão mais de 50 hospitais ativos. A Sinteco também está presente no Brasil com uma filial em Vinhedo (SP), onde oferece estrutura de pós-venda consolidada e técnicos capacitados para atender às demandas em todo o território nacional. Para mais informações, acesse: http://www.sintecorobotics.com/pt/. –Secom

tvgazetalife@hotmail.com
                                                         
JORNAL GAZETA LIFE               
“A notícia levada a sério”          
(34) 3427-1384                               
(34) 9929-5718 - VIVO
(34) 8424-0417 – CLARO
(34) 9177-6477 – TIM         

(34) 9971-4879 - CTBC